Compreender os utilizadores e os usos da Conta Satélite do Mar de Portugal e de outras estatísticas socioeconómicas ligadas ao mar
0%
Caution: JavaScript execution is disabled in your browser or for this website. You may not be able to answer all questions in this survey. Please, verify your browser parameters.

A sua participação neste questionário da OCDE (Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico) sobre o uso de dados da Conta Satélite do Mar e de outras estatísticas socioeconómicas ligadas ao mar é bem-vinda e muito importante.

 

This is the Portuguese language version of the questionnaire. The questionnaire is also available in English. If you would prefer to respond in English, please follow the link here.

 

A Conta Satélite do Mar de Portugal (CSM) foi desenvolvida pelo Instituto Nacional de Estatística, I.P. (INE) em parceria com a Direção-Geral de Política do Mar (DGPM), ao abrigo de um protocolo estabelecido entre as duas entidades. Estas estatísticas económicas oficiais traduzem o valor da economia do mar de acordo com os principais agregados das Contas Nacionais, o que permite aferir a importância da economia do mar na economia nacional.

 

Para além da CSM, em Portugal, existe também um conjunto de indicadores socioeconómicos que estão disponíveis para as diferentes atividades humanas ligadas ao mar e que fazem parte dos dados marinhos portugueses (Estatísticas das Empresas, Estatísticas do Emprego assim como uma série de indicadores primários como os das Estatísticas da Pesca, por exemplo).

 

A OCDE, em parceria com a Direção-Geral de Política do Mar (DGPM), a Fundação para a Ciência e a Tecnologia, I.P. (FCT) e o Global Ocean Observing System (GOOS), pretende reunir informação sobre o uso dos dados da Conta Satélite do Mar de Portugal e de outras estatísticas socioeconómicas das atividades humanas que se encontram disponíveis publicamente através de repositórios especializados de dados. A sua contribuição, ao responder ao presente questionário, permitirá a recolha de informação de suporte à definição de políticas de avaliação da economia do mar em Portugal.

 

O presente questionário foi desenvolvido para os utilizadores dos dados da Conta Satélite do Mar de Portugal, mas também de outras estatísticas socioeconómicas das atividades humanas, que se encontram disponíveis publicamente através de repositórios de dados, e tem dois objetivos:

  • Conhecer e caracterizar as comunidades de utilizadores de dados da Conta Satélite do Mar de Portugal, mas também de outras estatísticas socioeconómicas ligadas ao mar
  • Explorar os padrões/procedimentos associados ao tratamento dos dados da Conta Satélite do Mar de Portugal, mas também de outras estatísticas socioeconómicas ligadas ao mar em informação que possa ser aplicada

 

A informação sobre os utilizadores e a utilização destas estatísticas, que se pretende obter através deste questionário, contribuirá para uma melhor compreensão do valor social dos dados marinhos públicos, neste caso, no que se refere à Conta Satélite do Mar e a outras estatísticas socioeconómicas ligadas ao mar.

 

Agradece-se antecipadamente por dedicar o seu tempo para preencher este questionário, que deverá demorar cerca de 15 minutos. Caso seja necessário, poderá guardar as suas respostas e continuar a responder mais tarde às restantes perguntas do questionário.

 

Nota: Se também utiliza dados marinhos e/ou produtos de dados que incluam as propriedades físicas, biogeoquímicas e biológicas do oceano, bem como dados sobre hidrografia, atividades humanas, arqueologia e outros, nomeadamente como definidos pelo padrão de dados recomendado pelo International Oceanographic Data and Information Exchange (IODE), por favor considere responder também ao questionário disponível aqui.

 

 

Aviso de Proteção de Dados Pessoais para o Questionário da OCDE sobre Uso de Dados Marinhos Públicos

A OCDE está empenhada em proteger os dados pessoais que processa de acordo com as suas Regras de Proteção de Dados Pessoais.

A Direção de Ciência, Tecnologia e Inovação da OCDE está a utilizar este inquérito para recolher dados pessoais, incluindo nome, endereço de correio eletrónico, cargo, empregador/nome da organização, país do empregador/organização e código postal do empregador/organização. Os dados serão utilizados para identificar respostas individuais ao inquérito e para permitir o contacto com o inquirido, apenas se por este for dada autorização para esse efeito.

Os dados pessoais recolhidos serão armazenados em segurança pela OCDE e mantidos até que a análise adequada das respostas ao inquérito tenha sido realizada. Apenas a OCDE terá acesso aos seus dados pessoais.

Ao abrigo das Regras de Proteção de Dados Pessoais, o inquirido tem direitos de acesso e retificação dos seus dados pessoais, bem como a negar o seu processamento, solicitar que os seus dados pessoais sejam apagados, e à obtenção de portabilidade de dados em determinadas circunstâncias. Para exercer estes direitos no âmbito deste inquérito, queira contactar Chrystyna Harpluk (chrystyna.harpluk@oecd.org).